Buscar
  • asbaiAA

Alergias a amendoim e castanhas aumentam entre a população pediátrica.

Simpósio vai reunir especialistas nacionais e internacionais
Cerca de 8% das crianças, com até dois anos de idade, tem algum tipo de alergia alimentar

Com a prevalência aumentando em todo o mundo, a alergia alimentar será debatida por especialistas nacionais e internacionais nos dias 06 e 07 de agosto durante a realização do XII Simpósio Internacional de Alergia Alimentar / ASBAI, que este ano traz o tema “ALERGIA ALIMENTAR: DESAFIOS E PERSPECTIVAS”. O evento é realizado pela Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI).


“Os desafios são inúmeros, mas deslumbramos perspectivas. A ampliação do uso do teste de provocação oral na prática clínica irá melhorar a precisão diagnóstica, reduzindo riscos nutricionais e psicológicos. Em breve, o uso de novas modalidades terapêuticas e ações preventivas se tornarão realidade”, conta Dra. Jackeline Motta Franco, presidente do XII Simpósio Internacional de Alergia Alimentar / ASBAI.


Já o Dr. Emanuel Sarinho, presidente da ASBAI, conta que a alergia alimentar se tornou tema multidisciplinar, ou seja, extrapolou a área da Alergia e hoje é parte de estudos da gastroenterologia, pediatria, clínica médica, geriatria e nutrição.


Entre os temas que estão na programação do Simpósio alguns destaques são “Alergia alimentar e vegetarianismo: como conduzir a dieta?”; “Alergia alimentar: impactos psicológicos na vida dos pais e de pacientes (crianças, adolescentes e adultos)”; “Prevenção da alergia alimentar: podemos impedir o aumento das alergias mediadas por IgE?”; e “Peculiaridades no diagnóstico da alergia alimentar”. Alexandra Santos, do King´s College, Londres, e Rosan Meyer, do Imperial College, Londres, são algumas das especialistas confirmadas para o evento.


Dados – No Brasil não há estatísticas oficiais sobre alergia alimentar, porém, a prevalência parece se assemelhar com a literatura internacional, que mostra cerca de 8% das crianças, com até dois anos de idade, e 2% dos adultos com algum tipo de alergia alimentar.


Leite, ovo, soja, trigo, amendoim, castanhas, peixes e frutos do mar são os principais alimentos desencadeadores de alergia alimentar. No entanto, vários outros alimentos vêm paulatinamente ocupando espaço na lista dos alérgenos, caso das sementes (destaque para o gergelim) e algumas frutas. A frequência de alergia a amendoim e castanhas aumentou entre a população pediátrica nos últimos anos.


Os sintomas são bastante variados. Entre as manifestações possíveis, destacam-se as cutâneas, gastrointestinais, respiratória e cardiovasculares.


XII Simpósio Internacional de Alergia Alimentar/ASBAI

Data: 06 e 07 de agosto de 2021

Fonte: www.asbai.org.br

61 visualizações